Esta é uma rede social de escritores,artistas plásticos  e músicos, para associar-se a Literarte - Associação Internacional de escritores e artistas, entrem no site www.grupoliterarte.com.br e conheça todas as vantagens em ser um associado!

 

 

O ZÉ, O PODER E A FINANÇA
O Zé, o poder e a finança,
Do trio, o Zé é a ordenança
O poder nasceu para as elites,
De braço dado com a finança
A dois produzem satélites
Se algo falha, entra o Zé na dança,
Porá sempre os rebites,
Terá sempre de prover a abastança
Tem e terá de seguir os tramites,
Emanados do poder… estipula a finança,
Nela se guardam as pirites,
Que os poderes… que o poder alcança!
Na voragem dos trâmites,
Na magia da alternância…da balança
As elites do poder acautelaram zénites,
Da finança fica a superior abastança
De quem paga jamais, desejam ter palpites,
Escudam-se nos meandros da bonança,
Sem precisar de moderar apetites,
Ainda que falida, fica sempre a santa aliança,
As bancarrotas são pelouros do Zé, como dinamites!
Que será o salvador, segurando a faiança,
O Zé assegurará sempre os poderes nos limites,
Quando a finança perde a pujança!
O poder dá pró Zé apenas esquifes!...
O Zé, o poder e a finança
.
Daniel Costa

Exibições: 6

Comentar

Você precisa ser um membro de Associação Internacional de Escritores e Artistas para adicionar comentários!

Entrar em Associação Internacional de Escritores e Artistas

© 2017   Criado por Izabelle Valladares.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço