Esta é uma rede social de escritores,artistas plásticos  e músicos, para associar-se a Literarte - Associação Internacional de escritores e artistas, entrem no site www.grupoliterarte.com.br e conheça todas as vantagens em ser um associado!

 

 

Ponto prévio: ao longo desta reflexão, quando me refiro ao trabalhador, obviamente, estão incluídas as mulheres e os homens. É já um lugar comum afirmar-se que “tal dia é o dia de celebração de um determinado evento”.  Esta assertiva, realmente, é muito utilizada, eventualmente: por um lado, para se desvalorizar o que se pretende comemorar; e, por outro lado, para reivindicar que todos os dias são próprios para tal celebração.

De facto, todos os dias, por exemplo, deveriam ser dedicados, na circunstância, ao “Trabalhador” e, pelas melhores razões, todavia, isto não deve retirar o mérito ao simbolismo e dignificação do que se pretende divulgar e festejar quando há motivo para alegria, ou recordar com dor e nostalgia, outros dias que nos lembram acontecimentos menos bons, por isso, estipular o “Primeiro de Maio” como o “Dia do Trabalhador”, é uma homenagem mais que merecida e que, nesse dia, se concentram todas as dificuldades e vitórias, que eles vão sofrendo e conquistando, respetivamente, ao longo da vida profissional.

Tudo indica que, em Portugal, atualmente, ano de 2017, os trabalhadores já conseguiram reaver parte dos salários que lhes tinham sido retirados, por força de “brutais” impostos, aplicados em consequência das violentas medidas de austeridade, coerciva e unilateralmente fixadas, por entidades estranhas ao país, e com a indisfarçável conivência de muitos responsáveis nacionais.

O clima social e laboral que hoje se vive em Portugal é relativamente pacífico. Existe bastante otimismo quanto ao futuro que se prevê: para os trabalhadores por conta de outrem, em geral; e para os independentes, melhores condições salariais, desde já a partir do aumento do vencimento mínimo nacional que, sendo insuficiente, sempre é bem melhor, porque mais substancial do que nos tempos de uma severidade desumana.

Neste “Primeiro de Maio”, e desde há vários anos, existem, portanto, motivos suficientes para que os trabalhadores, que em Portugal exercem as suas atividades, estejam mais felizes, mais confiantes e saiam para a rua, em manifestações de: por um lado, reconhecimento e gratidão pelos sucessos que já conseguiram alcançar; por outro lado, continuem a reivindicar melhores condições de trabalho ao nível  da higiene e segurança, também na educação/formação, ordenados mais substanciais, um serviço nacional de saúde tendencialmente gratuito, reformas compatíveis com a dignidade humana e por um abaixamento dos impostos que, apesar das alterações introduzidas nos últimos meses, continuam, ainda assim, muito elevados.

Compreende-se, muito bem, que por via dos avanços irreversíveis da ciência e da tecnologia, os trabalhadores, naturalmente: mulheres e homens, como já foi salvaguardado no início, sendo substituídos, frequentemente, por máquinas, já outro tanto não se entende que, após a substituição, os recursos humanos, sejam, desumana e inexoravelmente “descartáveis”, como se se tratassem de simples peças, de uma qualquer engrenagem.

As pessoas não são máquinas, nem objetos inúteis. Elas estão dotadas de dimensões insubstituíveis, tais como: a ambivalência físico-espiritual; a componente axiológica com todo um conjunto de valores ético-morais; o elemento, fortíssimo, que constitui toda uma panóplia de sentimentos e emoções; ainda, e não se fica por aqui, a autêntica e infalsificável dignidade que é própria da pessoa verdadeiramente humana.

 

Venade/Caminha/Portugal, 2017

Diamantino Lourenço Rodrigues de Bártolo

 

Jornal: “Terra e Mar”

 

Blog Pessoal: http://diamantinobartolo.blogspot.com

Facebook: https://www.facebook.com/diamantino.bartolo.1 

https://www.facebook.com/ermezindabartolo

Portugal: http://www.caminha2000.com (Link’s Cidadania e Tribuna)

         http://www.minhodigital.com/news/escritor-portugues-caminha

Bélgica: http://www.luso.eu/tools/sobre-nos/165-equipa/911-diamantino bartol...

França: https://portugalnewspresse.wordpress.com/blog/

Brasil: http://www.webartigos.com/autores/bartoloprofunivmailpt/

http://sitedoescritor.ning.com/profiles/blog/list?user=2cglj7law6odr

     http://www.grupoliterarte.com.br/Associados.aspx?id=306

http://www.grebal.com.br/autor.php?idautor=242  

Exibições: 8

Comentar

Você precisa ser um membro de Associação Internacional de Escritores e Artistas para adicionar comentários!

Entrar em Associação Internacional de Escritores e Artistas

© 2017   Criado por Izabelle Valladares.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço